domingo, 24 de agosto de 2014

Domingo de sol,no Rio

Pra combinar... muita bossa:
Até o fim
, uma maravilhosa parceria de Marcos Vale e Carlos Lyra





sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Cybele era uma dos "Cys" do QUARTETO EM CY, que conquistou o Rio de Janeiro no início dos anos 1960, com sua musicalidade e harmonia ímpar.
Hoje ela nos deixou ...
Em 1968, juntamente com a irmã Cynara, após o quarteto se dissolver, formou  a dupla Cynara e Cybele, que no III Festival da Canção, no Maracanãzinho interpretou a linda
- e vencedora -  "Sabiá", de Tom Jobim e Chico Buarque

Cynara e Cybele ( à esquerda)

Recentemente assisti a um show antológico do quarteto, que se reuniu, novamente, na calçada da Toca do Vinícius, em Ipanema. INESQUECÍVEL!

Vale relembrar... SABIÁ

Entre vaias (extremamente injustas) e aplausos Cynara e Cybele cantam a canção vencedora do FIC.
No vídeo aparecem alguns membros do júri como o apresentador Chacrinha, e as cantoras Elis Regina e Eliana Pitmann. 

DETALHE: O apresentador do festival é  Hilton Gomes.


segunda-feira, 18 de agosto de 2014

A Brazuca

 Em agosto de 1969, há 45 anos,  acontecia no Rio o IV FIC, Festival Internacional da Canção, que movimentava a cidade e a torcida por suas canções preferidas.

Na fase nacional surgiu uma canção, que muito marca aquele tempo: Juliana.
 
A última do ciclo das toadas da parceria Antonio Adolfo e Tibério Gaspar, iniciada com "Sá Marina" - Juliana, finalista da fase nacional do IV FIC,  seria cantada por Simonal, mas que não quis defender a canção no festival.
Daí surgiu a idéia de um novo conjunto, a Brazuca, idealizado por Antonio Adolfo que tinha como "arma secreta" o piano eletrônico trazido dos Estados Unidos.

recorte - O GLOBO, 18 de agosto de 1969


VALE RECORDAR!